quinta-feira, 8 de abril de 2010

Palavreando

Não gosto destas palavras/expressões:

Atoalhados
Roupa de cama
Palmarés
Frisson
Camilha
“Faz-me espécie”
Lombarda
“Então é assim…”
Cacém
“Então gira/o…” (esta então dá-me arrepios!)
Derivado
“De maneiras que…”

Gosto destas:

“Estar com o grão na asa”
“Ele/a está a largar pêlo…”
“Rir a bandeiras despregadas”
“Vi-me em papos de aranha”
Panóplia
Sorumbático
Arranca!
“A páginas tantas…”
Abraço
“Bom fim-de-semana”

1 comentário:

Rafaela disse...

Hmm, então deixa-me cá ver! Esta é a minha praia :)

Gosto muito da palavra "abraço", é assim que me despeço sempre de pessoas de quem gosto.

"Panóplia" é muito bonita e tento não usá-la muito para não "estragá-la" e remover o toque especial.

A palavra da língua portuguesa que mais detesto é "espectacular". Dá-me mesmo voltas ao estômago. Acho que quem usa essa palavra é um bocadinho limitado e não sabe usar mais nenhum adjectivo, como "fantástico", "genial", "fabuloso", "maravilhoso", "extraordinário". E normalmente quem usa "espectacular" é viciado nessa palavra e usa-a a torto e a direito. Brrrr!