quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Falta tanto tempo...

Terminadas as férias é tempo de voltar à dura realidade do trabalho, de Lisboa, dos ritmos nada compassados, das camisas, dos fatos, os mocassins, da hora estipulada para almoçar, das filas para almoçar… Voltar de férias é um exercício de pura resistência.

Damo-nos conta que a facilmente nos habituaríamos a uma vida de ócio, exactamente nos antípodas do bulot dodo dodo boulot…Muitas pessoas dizem que trabalhar forma o carácter, mas a percentagem de pessoas que efectivamente acredita nessa patacoada é tão ínfima como a quantidade de notícias que se aproveitam nos telejornais durante a época estival.

Ver os noticiários torna-se fastidioso, consequência da das notícias inócuas que preenchem os espaços noticiosos. No entanto, desde que haja jogos do Benfica a serem televisionados em canal aberto, tudo o resto passa para um plano secundário.

Mas não, não quero que pensem que este é um lamento igual ao de tantos outros. Este é sim um lamento de alguém que gostava de poder beneficiar de muitos mais dias de férias.

Ao escrever estas linhas uma semana e meia após o regresso à urbe, sinto que ainda não estou mentalmente preparado para trabalhar durante mais cerca de 32 anos até à idade da reforma.

Até lá…vou aproveitando os fins-de-semana.

2 comentários:

Rafaela disse...

Ainda bem que estás de volta. Tinhamos saudades das tuas belas palavras.

Sergei disse...

Como te compreendo.

O regresso tem-me deixado sem muitas palavras, julgo que por ainda não ter conseguido processar mentalmente todas as imagens e emoções que trago destas férias, mas ao ler o post uma dessas "imagens" voltou...

É que é irónico que até no "Paraíso" haja uma aura Benfiquista que te persegue, hehe. :)


Grande abraço, recheemos de boas imagens o tempo que falta ;)